Tuesday, February 17, 2009

Reinado de paciências ou a fé no novo






Reinado de paciências ou a fé no novo

não ondulem a nossa paciência
deixem-na quieta em descanso
como se em vinha d'alhos pudesse
atingir o ponto do não-descambamento
que isto de andarem a inventar novas formas´
à democracia, esta do simulamento
é coisa velha que cheira a novo.

e nós que treinamos por anos e anos
o auto-controlo, perante a ineficácia
nos revemos só impulsos e ímpetos
de esganar toda a solene hipocrisia.

já vos disse, não lhe mexam, não lhe bulam,
não lhe toquem, na era dos tansos e tachos
há-de provar do mesmo que nós
que andamos há décadas a ensinar-lhe mezinhas
e pozinhos de perlimpimpim
e afinal, desmancha-se
perante novas crenças cunhas e berbicachos
foto pessoal

4 comments:

Arabica said...

Nem ouso tocar - lhe não vá rebentar


o dique


e vir toda a água revolta


a limpar


o caminho :)



Perante a quantidade de janelas publicadas e as que esperam pela luz :) ainda bem que gostas de janelas!! :)

Foi pena não ter apanhado rostos à janela. Compreende-se, estava um dia óptimo, eram horas de mercado e de compras, depois dos longos dias de neve e chuva.

Andavam as mulheres todas na rua, atarefadas com seus sacos e conversas de vizinhas na duvida entre os preços e as doenças da praxe...

Os homens, indiferentes ao sol, juntavam-se pelos cafés...

Crianças nem vê-las, o que me fez uma certa confusão. Horas de escola, talvez...

Beijos e ate amanha

innername said...

é,o sol desenferrujou as artrites e artroses dos olhos aos ossos e lá foi toda a gente pra rua, em busca de umas horas primaveris que de inverno estamos fartos. As criançinhas na escola e os homens nos cafés, ficam as janelas sozinhas, envoltas no mistério que eu tanto gosto, o de falarem sem palavras e o de darem asas á nossa imaginação. prefiro ser eu a inventar os personagens, basta-me numa janela um sinal de vida, um cortinado ondulante, uma sombra, um musgo ou um vaso e depois invento mil personagens a caber nos umbrais e nas paredes. Deve ser fetiche, isso das janelas e das portas vazias ;) abertas, de preferência. Bom dia Arábica, continua a perder-te, é sempre uma forma de nos encontrarmos

lobices said...

...hi Nina, obrigado pela visita
...um abraço
e uma festinha ao teu Francisco :)

innername said...

olá Quim, abraço a ti ;)(tás a ficar profissional nas pics, carago!!)